terça-feira, 6 de abril de 2010

Sentido de defesa


Sempre tive tendência a ser simpática para toda a gente. E quando digo toda a gente refiro-me mesmo a tooooda a gente, quer seja inimigos,colegas, ou o que quiserem. Ou seja...nunca fui de "gritar" ou responder mal a alguém mesmo que esse alguém o faça a mim. Apenas costumava ficar calada, e as vezes até pedia desculpa, mesmo que nao tenha feito nada. Com isto, não quer dizer, que me esteja a gabar de "ai que boazinha que eu sou". Nada disso. Mas desde que me conheço, que nunca tive "coragem" (digamos assim) para responder ou defender-me. Mas eu cresci, e felizmente já nao sou assim, nao me perguntem como, mas acho que faz parte da vida. Aprender-mos com os outros e até mesmo com erros. Acreditem, que não é nada agradavel, sentir receio de pelavras, e não conseguir, dizer uma "ai" em defesa. Hoje considero-me mais forte. Mas não tanto como desejaria.

Sem comentários: