terça-feira, 1 de junho de 2010

Inexplicável



Eu nunca soube dizer ao certo o que há entre nós dois. Era impossível descobrir se te queria ou não. Porque cada vez que eu criava certezas...as tuas palavras destruiam-nas, as vezes até a falta delas. Eu não queria te querer. Desejaria até o fim dos tempos que fosses só mais um, mas por incrível que pareça não és. Não sei onde o destino quer me levar, não sei se vai dar certo, nem se vou me magoar.És o tipo de pessoa errada, que me completa, que me faz sonhar acordada, chorar por desacreditar na nossa história, ter raiva, ciúmes, alegrias... mexes comigo de uma forma inexplicável e eu já não consigo mudar isso. Deixei o sentimento crescer. Sem "pra que?", sem "porquê?". Ganhas-te da maneira como eu jamais te vou ganhar! E isso é o que torna este amor uma triste parte da minha história.

2 comentários:

Vera disse...

"mexes comigo de uma forma inexplicável"

Como te compreendo.

Beijinhos

Lu! disse...

Histórias de amor, sao sempre complicadas =/

Bizuuu