sexta-feira, 22 de julho de 2011


"devias ir para casa cortar os pulsos como costumas fazer".

Palavras ditas na fervura de uma das nossas discussões. Palavras sordidas e de uma imaturidade extrema, da qual nao suporto. Com a mais pura falta de respeito, da qual nao permito. Muito menos de ti.

Tenho que admitir...por mais obvio que fosse...nunca esperaria ouvir tal coisa de alguém que eu tanto estimei, perdoei e sobrevalorizei. Ás vezes o amor tem destas coisas. Por mais que se perdoe um criminoso ele irá sempre ser...o "criminoso". Porque foi educado assim ou simplesmente é a sua essência. As pessoas não mudam. No entanto...erros acontecem. Não foi o caso do L.
Aliás...considero sim um erro a nossa relação. Mas não estou de todo arrependida. Sei que com isto fortaleci os meus ideais e aprendi com os própios erros. Mas cheguei finalmente á conclusão que não há condições para avançar. Vale apena, ainda, lutar por nós dois? A minha resposta é definitivamente...não. Preciso de provas, argumentos. E não os tenho. Não quero gastar a minha vida em vão, o meu tempo e muito menos desgastar o meu coração.


Sinceramente? acho que já me tinha habituado á ideia. Talvez por isso não me custe tanto hoje.

6 comentários:

Menino dos olhos azuis disse...

ao que podias ter respondido - Talvez o faça mesmo só para ver a tua cara depois disso

ataque...

qt ao post: existe sempre alguem que gosta mais, o que é uma merda

M. disse...

Acho que a melhor resposta que podia dar foi o fim da nossa relação. E foi a que dei.

M. disse...

É que há que aprender... não temos que perder pra dar valor. Temos é que dar valor pra não perder.

Menino dos olhos azuis disse...

n, quanto mais valor dás pior é. qd as coisas se tornam faceis perdem o interesse; mas é so a minha opiniao

M. disse...

referia me a ele. Mas sim, nao devemos nos agarrar tanto ás coisas. Mas que casal é feliz sem dar o valor devido um ao outro?

Menino dos olhos azuis disse...

nenhum, a merda é essa. bem foi o ultimo comentário... bn