quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

Enfim...


Vou contar uma história verídica muito engraçada, que me esta a acontecer neste preciso momento. Pois bem…são 20:22 do dia 29 de Fevereiro de 2012, é uma quarta-feira e neste preciso momento estou em aula de Cultura e comunicação. Até agora nada de extraordinário certo? Bem…e se eu vos disse-se que enquanto alguns alunos estão nos seus respectivos computadores, o resto da turma está a assistir o jogo de futebol num retroprojector que o querido e gentil professor disponibilizou? Desengane-se quem pensa que algum aluno mais atrevido pediu o favor ao professor. Não…o professor simplesmente chegou a sala e montou a tenda, ligou o retroprojector, direccionou-o a parede e aí está, Portugal vs. Polónia. Agora digam-me como é possível tamanha lata e falta de respeito vindo de um professor da qual têm como função dar o exemplo para milhares de estudantes que estão a estudar para terem um trabalho digno e satisfatório. Que exemplo é este? Que ensinamento nos dá? Não…isto não é a primeira vez que acontece. Joga o Benfica á quarta-feira á noite? Meus amigos, é garantido que vamos assistir o jogo. Enquanto uns berram por justiça do árbitro outros tentam arduamente acabar o trabalho com boa nota.
Que direito têm este tipo de pessoas para se queixar do nosso país? Que direito têm este professor de se queixar do quanto o seu salário desceu nos últimos Anos? Ridículo. É completamente ridículo e frustante!

domingo, 26 de fevereiro de 2012

Shame on me.


A assistir este filme pela trigésima sexta vez....

Continuo a chorar no fim. Mais do que me orgulho....OH VERGONHAAA!

E eu que costumava gozar tanto com a minha irmã quando ela chorava ao assistir "Ponto de encontro".
É o karma meus amigos.
the reason most people hate silence is that they can't stand having their thoughts be the loudest thing in the room.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2012

Algumas pessoas precisam de TERAPIA = TER - A - PIA cheia de louça para lavar e deixar a vida dos outros em paz.

quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Dear me,

You are a complete oxymoron.

You’re also a highly optimistic COMPLETE bitch with really sweet intentions and depressing pessimistic outlooks. You have so many goals in life and you really have a lot of potential. What I like about you is you never give up. It’s a blessing and a curse - but you aim for the furthest galaxy, not just the stars. And that is really admirable.

I’m glad you’ve learned to appreciate the things, and people, in your life. You used to be so nice and sweet and innocent! I don’t know what happened. But what the heck. At least you’re growing and learning and really being a good person lately. I’m proud of you. You know that I love you and your family terribly much. Keep up the good work!

Love, Ni

domingo, 12 de fevereiro de 2012

“É por isso que eu não conto às pessoas sobre nós. Elas não entendem e eu não sinto necessidade de explicar, simplesmente porque o meu coração sabe o quanto é real. Quando penso em ti, não posso evitar um sorriso, sabendo que me completas de alguma forma.”
— "Querido John", Nicholas Sparks